BlogBlogs.Com.Br

Pesquisar este blog

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

e o amores de minha vida

amores aos amigos, amores à família, amor aos objetos poucos e reformulações ao amor. E às mulheres todo amor medroso, que não tem coragem de dizer "te amo", mas ama, e sofre, e dificulta as coisas e faz-se, ambos, perder-se tempo.
E aos amigos um amor reservado, tímido também, porém mais fácil de ser amado.
Aos amigos, que é tudo que se tem nessa vida, além da vida, meu singelo gesto de amor para que não me abandonem, estejam presentes, usem-me, entendam-me, perdoem-me, e vivam, comigo; vivam a nós, vivam, enfim, porque de que adianta estar vivo se não se pode ser feliz?
Aos menos entre os amigos, durante a travessia, que se ame para diminuir a dor. Da travessia.
Amor.

2 comentários:

  1. Seus textos cada vez mais lindos e emocionantes. Vou sentir sua falta. Bjs! :)**

    ResponderExcluir